seg, 20/03/2017 - 15:35

Bill Gates permanece como o homem mais rico do mundo

Gates tem uma fortuna pessoal avaliada em 86 bilhões de dólares; o segundo colocado no ranking é um grande amigo de Gates, o investidor americano Warren Buffett, com patrimônio de 75,6 bilhões de dólares

Publicidade
O americano Bill Gates, cofundador da Microsoft, ainda é o homem mais rico do mundo, anunciou nesta segunda-feira (20) a revista americana Forbes.
William Henry Gates III, 61 anos, aparece como líder da classificação pelo quarto ano consecutivo - e pelo 18º ano dos últimos 22 -, com uma fortuna pessoal avaliada em 86 bilhões de dólares.

Gates, que iniciou a Microsoft aos 19 anos, abandonou os estudos no segundo ano da Universidade de Harvard. Atualmente possui apenas cerca de 2,5% do capital da empresa que fundou ao lado de Paul Allen em 1975.

Publicidade
Publicidade

O segundo colocado no ranking é um grande amigo de Bill Gates, o investidor americano Warren Buffett, com um patrimônio avaliado em 75,6 bilhões de dólares.
O guru das finanças, que fez sua fortuna à frente da holding Berkshire Hathaway, retornou ao segundo lugar.

Jeff Bezzos em 3º, Trump 544º

Logo depois aparece o presidente e fundador da gigante da internet Amazon, Jeff Bezos.
Aos 53 anos, Bezos possui quase 17% do capital de seu grupo, que não para de diversificar-se e atualmente vale mais de 400 bilhões de dólares em capitalização.
Estimulado pela euforia da Bolsa de Nova York e por um crescimento constante, a ação da Amazon subiu e isto aumentou a fortuna pessoal de Jeff Bezos em 61% em apenas um ano, para alcançar o total de US$ 72,8 bilhões.

O espanhol Amancio Ortega, fundador da empresa têxtil Inditex e da principal marca do grupo, Zara, caiu do segundo lugar para o quarto lugar na lista da Forbes.
O empresário de 80 anos tem uma fortuna estimada em 71,3 bilhões de dólares.
Outro avanço impressionante é o do presidente e fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, que com apenas 32 anos aparece em quinto lugar, com um patrimônio de US$ 56 bilhões.

O mexicano Carlos Slim, do setor de telecomunicações e que já foi o homem mais rico do mundo, caiu para o sexto lugar com uma fortuna de 54,5 bilhões de dólares. Esta é a primeira vez que ele fica fora do Top 5 em 12 anos.

Mark Zuckerberg, Jeff Bezos e os cofundadores de outro gigante da internet, Google, Larry Page e Sergey Brin (ambos de 43 anos), são os únicos entre os 20 primeiros da classificação com menos de 60 anos.

Mas a lista conta com muitos jovens. O cofundador e presidente da empresa de pagamentos Stripe, John Collison (26 anos), é o mais jovem bilionário que não herdou a fortuna, com 1,1 bilhão de dólares.

Ele é poucas semanas mais jovem que Evan Spiegel, cofundador e diretor geral da rede social Snapchat, que acaba de ser introduzida na Bolsa. Aos 26 anos, o jovem empresário tem um patrimônio de US$ 4 bilhões.

Entre os bilionários da antiga economia, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, aparece na 544ª posição, com uma fortuna de 3,5 bilhões de dólares.
O magnata do setor imobiliário criticou diversas vezes a avaliação de seu patrimônio por parte da Forbes porque considera que não reflete o valor da marca Trump.
Em 2017, o número de bilionários subiu 13% na comparação com o ano passado, com 2.043 pessoas, um recorde. O patrimônio do grupo aumentou 18% e representa 7,67 trilhões de dólares.

Os Estados Unidos permanecem como o país com o maior número de bilionários em dólares, com 565, à frente da China (319, aos quais podem ser adicionados 67 de Hong Kong), Alemanha (114) e Índia (101).

Fonte:http://www.otempo.com.br/capa/mundo/bill-gates-permanece-como-o-homem-ma...

dom, 23/07/2017 - 08:33

Em artigo, Joesley Batista diz que vazamento da delação foi 'dia de seu renascimento'

No artigo, Joesley revelou que reagiu com "medo, preocupação e angústia" ao ver a divulgação do conteúdo de seu acordo com a Procuradoria-Geral da República. Passados dois meses de abalo nas estruturas do Palácio do Planalto, ele alega que decidiu "entreg
dom, 23/07/2017 - 07:38

Caso de homofobia causa revolta em clientes do Chopp da Fábrica

Caso ocorreu por volta de meia noite, quando um casal pediu para que não fosse mais atendido por uma garçonete, pelo fato dela ser homossexual
dom, 23/07/2017 - 07:24

Americano lista 50 motivos pelos quais detesta e adora morar no Brasil

Peter Wood mora em Belo Horizonte desde agosto de 2016 e cursa pós-doutorado na UMFG; ele também destaca o que ama e odeia na capital
sab, 22/07/2017 - 14:15

Circuito SESI de Corrida de Rua em Ipatinga está com inscrições abertas

A renda arrecadada com as inscrições será doada para cinco instituições do Vale do Aço