ter, 10/01/2017 - 13:55

Prefeitura de Fabriciano reforça estoque de vacina contra febre amarela

Apenas o bairro Recando Verde não está disponibilizando a vacina

Publicidade
A prefeitura de Coronel Fabriciano, por meio da Secretaria de Governança em Saúde, informa que reforçou o estoque de vacina no município contra febre amarela e está atenta ao surto que atingiu Caratinga e Teófilo Otoni, municípios que integram a Superintendência Regional de Saúde.

A prefeitura esclarece que não há uma campanha de vacinação em curso, uma vez que as campanhas são obrigatórias somente em casos em que houve registros de transmissão do vírus. Até o momento, nenhum caso foi registrado no município, mas a vacina está disponível para àqueles que ainda não foram imunizados nos últimos dez anos. Quem quiser se imunizar, deverá levar o cartão de vacina, lembrando que a dose vale por dez anos. 

Segundo a assessoria, todas as unidades estão oferecendo a vacina, exceto a do bairro Recanto Verde, por falta de profissional para a aplicação. As providências estão sendo tomadas.

IMUNIDADE

Publicidade
Publicidade
De acordo com o manual de normas e procedimentos para vacinação do Ministério da Saúde de 2014, idosos (acima de 60 anos) serão vacinados apenas com prescrição médica, devido ao risco benefício, ou seja, a vacina contém o vírus vivo atenuado da febre amarela e os idosos têm imunidade baixa. Adultos devem ter duas doses no cartão de vacinação, com o intervalo de 10 anos. As crianças são vacinadas aos nove meses e com quatro anos de idade recebem a segunda dose. É importante lembrar que gestantes, lactantes e bebês até seis meses não podem receber a vacina, devido ao risco de adquirir o vírus vivo atenuado.
 

ter, 27/06/2017 - 13:18

Obra da LMG-760 ganha parecer favorável de licenciamento ambiental

Deputada Rosângela Reis espera que obras sejam retomadas em breve
ter, 27/06/2017 - 12:56

Mãe entra na justiça para que filho cuide dela

O caso aconteceu em Curitiba no Paraná, agora um dos filhos, empresario, foi condenado em segunda Instância a pagar a quantia mensal de R$ 5.000 (Cinco Mil reais) a mãe
ter, 27/06/2017 - 12:23

Mulher que matou e escondeu o corpo do filho em sofá é julgada em Ibirité

Crime ocorreu em novembro de 2014, na casa de um tio da criança, mãe confessou o crime e chegou a ser condenada em 2015, mas defesa conseguiu anular o julgamento
ter, 27/06/2017 - 12:02

Startup cria app que ajuda a monitorar sua saúde mental através do smartphone

Será possível medir nosso comportamento, encontrar padrões psíquicos e até analisar nossa saúde psicológica e mental através da maneira com que nos relacionamos com nossos smartphones e os aplicativos?