sexta-feira, 08/01/2010

Setor de Identificação da Polícia Civil de Ipatinga é transferido

O setor de Identificação da Polícia Civil de Ipatinga iniciou, em novembro de 2009, o atendimento ao público nas dependências do Centro Vocacional Tecnológico (CVT Raimundo Fagner). Trata-se de um posto regional onde o cidadão tem acesso a serviços relacionados às atividades policiais judiciárias; emissão de DAEs, documento de identidade (RG – 1ª e 2ª via) e atestados de bons antecedentes criminais. Cada cidadão tem direito a cinco impressões por dia. O atendimento é realizado por dois policiais da Civil que atendem aproximadamente 120 demandas diárias.

“O objetivo da parceria é otimizar o serviço de atendimento ao cidadão, com comodidade, segurança e praticidade. O posto de atendimento do setor de Identificação atende desde o público local às cidades vizinhas que não dispõem destes serviços”, explica a coordenadora do CVT, Vanessa Lana.

A idéia de transferir o setor de Identificação para o CVT surgiu a partir da experiência bem sucedida com o Detran, que desde julho do ano passado tem aplicado os exames de legislação na sala de atendimento coletivo do Núcleo de Apoio ao Empreendedor - NAE.

“Considerando que um dos objetivos do Laboratório Vocacional é oferecer treinamentos e serviços voltados para o social, o CVT de Ipatinga tem desenvolvido estratégias que atendem as necessidades sociais da comunidade, sem deixar de objetivar trabalhos voltados à peculiaridade vocacional que é a Construção Civil. Desta forma, temos estabelecido parcerias com órgãos públicos e galgado parcerias com o setor privado”, completa a coordenadora.

Horário de funcionamento do setor de Identificação: 09 às 16h.

CVT de Ipatinga

Centro de excelência, voltado para a capacitação profissional e inclusão social e tecnológica, o CVT de Ipatinga integra o projeto estruturador do Governo de Minas, “Rede de Formação Profissional Orientada pelo Mercado”, coordenado pela Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes), por meio da Subsecretaria de Inovação e Inclusão Digital. A unidade tem como entidade gestora a OSCIP Brasil Ação Solidária – BRASOL (organização sem fins lucrativos). A BRASOL, com sua experiência de gestão, possibilita ao CVT cumprir seu papel social, atendendo a comunidade com a prestação de serviços diversos e capacitação para o mercado de trabalho.

A Rede de Formação Profissional Orientada pelo Mercado tem por objetivo ampliar a capacitação local e regional; combater a exclusão digital e social; gerar emprego e renda; e contribuir para a melhoria de vida da população a partir da capacitação profissional.

Em 2009, o projeto se consolidou com a conclusão da implantação de 571 unidades interligadas em banda larga, representadas por 84 CVTs e 487 Telecentros, totalizando o investimento de R$ 90 milhões de recursos, provenientes do Governo de Minas e do Ministério da Ciência e Tecnologia, por meio de emendas parlamentares. Hoje, a Rede conta 4.5 mil microcomputadores conectados, colocando Minas Gerais como o estado a possuir o maior programa de inclusão digital e social do País. Aproximadamente 300 mil alunos já foram certificados em cursos presenciais e a distância, nas áreas comportamentais, gerenciais e profissionalizantes.

Centro Vocacional Tecnológico de Ipatinga
Avenida Macapá, 675 C - Veneza I
(031) 3822-9077
 

Publicidade



Política de Privacidade | Entre em contato
© 2008-2015 plox.com.br Todos os direitos reservados. Primeiro portal de notícias e entretenimento do Vale do Aço