quarta-feira, 14/01/2009

Cores e luzes são capazes de transformar ambientes

Verde abacate, roxo beliscão, amarelo canário.



Existe por aí uma infinidade de cores, no entanto nem todas podem ser levadas em consideração na hora de escolher o tom ideal para compor um ambiente.
Apontada como um dos quesitos mais importante na decoração, as cores retratam muito mais do que uma parede pintada.

São sinônimos de estado de espírito. "As cores aparecem em todos os segmentos da vida.
Até na área da saúde por intermédio da cromoterapia", explica a decoradora Maria Pompéia Mesquita.
Os tons influenciam diretamente na decoração, moda, saúde e no bem-estar. "Pintar uma casa é a mesma coisa que dar a ela um banho de loja. Por isso bom gosto é fundamental", afirma Pompéia.

Na decoração, a palheta de cores tem um dos papéis de maior destaque.
É ela que dá vida e um toque todo especial aos ambientes.
No quarto, por exemplo, deve-se usar azul ou os seus derivados, por se tratar de tonalidades relaxantes e tranqüilizantes. Para aqueles que não pretendem errar nunca, a dica fica por conta do bege ou branco.

Para a decoradora, que ministrará durante o ano, a disciplina Cores, dentro do curso de decoração Marchand D’Art, as tonalidades são capazes de transformar uma vida, curar depressão e animar as pessoas.
"Uma simples aplicação de textura nas paredes e a escolha da cor correta é o primeiro passo. Não é necessário ter uma obra de arte caríssima em casa para se ter um ambiente refinado”, explica.

A especialista conta que uma ex-aluna, gostava muito da cor berinjela, e por isso resolveu pintar a casa, quase inteira de roxo. O resultado foi péssimo e ela não agüentou ficar com a decoração nem por uma semana.
“Neste caso, o tom berinjela, por exemplo, deve ser quebrado com muito branco", orienta Pompéia.

Para os que gostam de ousar nada melhor do que a fachada da casa. Pompéia afirma que a frente da casa, permite abusar do jogo de cores. Exageros à parte, sempre que pintar uma parede ou decidir utilizar uma determinada cor, procure se acostumar com ela. Isso é válido para ter a certeza de que aquela cor agrada e estará em harmonia com os demais objetos do ambiente.

Ao entrar em um ambiente agradável é impossível que não se note a importância dos objetos, peças e outros quesitos que compõem uma bela decoração. Entre todos esses detalhes está a iluminação.
Ela é a responsável por trazer a vida, alegria e a sensação de aconchego e conforto. Para isso não basta apenas instalar luminárias e lâmpadas, é preciso um planejamento e um estudo minucioso do local onde serão aplicadas as luzes.

O objetivo é conseguir uma integração e harmonia. Alguns ambientes com dicas e sugestões que transformaram de maneira positiva o seu lar. A sala de estar (living), precisa de uma iluminação versátil, com circuitos independentes, para que se crie diferentes climas. Isso facilita tanto os encontros íntimos como os familiares.

A sugestão nesse caso é usar plafons, pendentes com difusores de vidro ou policarbonato, com uma ou duas lâmpadas. Para trazer o aconchego, o indicado é a utilização de uma ou mais colunas, arandelas, abajures e sancas. Agora, se existe um espacinho que merece destaque, o conselho é optar pelas luminárias embutidas, reguláveis e com lâmpadas halógenas, do tipo refletoras.

Na sala de jantar tudo tem que ser flexível, adaptado a várias ocasiões, como jantares sofisticados ou românticos. Para isso, esses ambientes podem ser construídos com luz indireta, obtida normalmente por luminárias, que refletem a luz para as paredes e teto. Fique sempre atento ao excesso de luz.

É recomendável manter uma distância de 60 e 80 centímetros entre as luminárias e a mesa. Um dos principais pontos da casa são os dormitórios, pois a iluminação deve ser sempre um convite ao relaxamento, com luz suave, difusa e indireta e não devendo nunca ser dirigida à cama para não atrapalhar quem estiver deitado.

O cuidado maior deve ser na iluminação única que deixa sombra em todo o ambiente. Na cozinha a luz é essencial, pois se trata de uma área de trabalho, onde se utilizam vários objetos cortantes, fogo e aparelhos elétricos. Uma má iluminação além de prejudicar o ambiente pode até provocar acidentes.
Luminárias de embutir ou sobrepor com lâmpadas fluorescentes é uma boa saída. "Em qualquer ambiente aproveite o que você tem em casa. Recrie abajures e luminárias. É sempre possível renovar seus objetos", completa Pompéia.


 

PUBLICIDADE

Comentar

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
  • Endereços de páginas de internet e emails viram links automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <strong> <cite> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd>
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.

Mais informações sobre as opções de formatação

CAPTCHA
Este recurso é para previnir postagens automáticas feitas por spammers.
Image CAPTCHA
Digite os caracteres mostrados na imagem.


Política de Privacidade | Entre em contato
© 2008-2014 plox.com.br Todos os direitos reservados. Primeiro portal de notícias e entretenimento do Vale do Aço