terça-feira, 23/04/2013

Presidente da Câmara de Ipatinga explica "sumiço" e boatos sobre prisão

Na tarde dessa segunda-feira (22), após participar da reunião ordinária na Câmara Municipal de Ipatinga, o vereador Ley do Trânsito concedeu uma entrevista coletiva, em seu gabinete, para falar sobre os boatos de que na sexta-feira (19) teria “sumido” por estar sendo procurado pela Polícia Civil.

Alguns órgãos da imprensa noticiaram que o presidente do Legislativo estaria sendo procurado para que sua prisão fosse efetuada, sob a suspeita de participação no assassinato do jornalista Rodrigo Neto.

Publicidade
“Boato é mentira, denúncias falsas, portanto não podemos nos ater a boatos”, salientou Ley do Trânsito.

Ley esclareceu que trabalhou normalmente em seu gabinete e que também cumpriu agenda externa. “Na sexta-feira eu despachei aqui normalmente no meu gabinete, onde eu convoquei essa reunião ordinária que vocês presenciaram hoje, fiz os devidos pagamentos no Banco e toda a minha rotina foi feita, apesar que eu tive um compromisso de agenda externa, que um presidente tem compromisso interno e agenda externa, e questão de estratégia política a gente não manifesta onde a gente vai, em alguns casos".

Quanto aos boatos de sua prisão, o vereador afirmou que “virou uma brincadeira” e que “pessoas, de forma maliciosa, estão tentando usar o sofrimento dos parentes das pessoas que foram mortas na cidade” para se beneficiarem de alguma forma. Ley acredita que alguns grupos estão aproveitando a ocasião para denegrirem sua imagem e a do Poder Legislativo.

“A gente está trabalhando e de certa forma está desagradando algumas pessoas, a gente está dando retorno à população ipatinguense, no trabalho que eles esperavam que eu fizesse. Então, todo mundo que trabalha tende a chamar atenção e aí existem pessoas com interesse pessoal, político, de tentar denegrir a imagem, mas enfim, isso é normal, é natural, só que o apelo que eu faço é o seguinte: os sofrimentos das famílias são muito grandes, não deve se brincar com isso não”, declarou Ley.

“Nós estamos falando de coisa séria, nós temos que devolver à cidade de Ipatinga a segurança necessária”, disse o vereador, ressaltando que com a nova troca de comando na Polícia Civil a comunidade terá retorno. Ley alertou as pessoas para que "não caiam na onda de boatarias”. 

O presidente do Legislativo informou que no sábado (20) e no domingo (21) também cumpriu agenda externa, visitando bairros e analisando demandas da população.


 

 



Política de Privacidade | Entre em contato
© 2008-2015 plox.com.br Todos os direitos reservados. Primeiro portal de notícias e entretenimento do Vale do Aço