quarta-feira, 09/04/2014

Jovem de 17 anos executado com três tiros

Fabriciano -  Uma cena triste foi registrada pelo Plox na noite dessa quarta-feira (9). A mãe de um adolescente, de 17 anos, chegou ao local onde ele acabou de ser assassinado a tiros. Se os protagonistas fossem atores, certamente iriam distrair plateias ávidas de emoções afloradas. Mas o que temos aqui é realidade, dura e nada rara, pelo contrário, tão repetitiva que se banaliza a cada dia.

Desesperada, a mulher, ao lado da filha, se joga sobre o corpo do filho.  Romário Silva de Souza, de 17 anos, conhecido como Romarinho, foi executado no bairro São Domingos em Fabriciano, o jovem era morador da rua C,   bairro  Recanto Verde.

A Perícia da Polícia Civil esteve no local. O rapaz morreu atingido por três tiros: um no pescoço, um nas costas e um na cabeça.

O subtenente Carvalho, da Polícia Militar, mesmo acostumado com cenas de violência, externou sua consternação.

Diario do aco

“As pessoas precisam parar de banalizar a vida. O problema é que quem sofre nessa historia toda sempre são as mães”, protestou.

Diario do Aço


O crime ocorreu na Rua Vitória Régia. A polícia começou a procura por um indivíduo conhecido como “Dubão”, suspeito de ter matado Romarinho.

 

 

Segundo relatos de populares, o morto teria tido um caso com a namorada do suspeito e este pode ter sido a causa do homicídio.

Vale do Aço

Romarinho tinha muitas passagens pela Polícia por uma lista grande de crimes.

O corpo foi removido para o IML de Ipatinga.

 

Polícia



Política de Privacidade | Entre em contato
© 2008-2015 plox.com.br Todos os direitos reservados. Primeiro portal de notícias e entretenimento do Vale do Aço