ter, 10/01/2017 - 18:19

Saúde realiza primeiro LIRAa do ano em Timóteo

A pesquisa larvária que vai de 10 a 13 de janeiro, apontará os bairros mais infestados.

Publicidade
A Secretaria de Saúde de Timóteo realiza o primeiro Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa) do ano de 2017, a partir desta terça-feira (10) até a próxima sexta-feira (13). Os agentes de endemias visitarão as residências para mapear e identificar os criadouros do mosquito Aedes Aegypti e a situação de infestação do município.

Para o secretário de Saúde, César Luz, a pesquisa permite um maior direcionamento das ações de controle para as áreas mais críticas. “São identificadas as áreas mais críticas para intensificar o combate naquele local”, esclarece. No mesmo período do ano passado a administração anterior não fez a pesquisa do LIRAa. Em outubro de 2016, o índice foi de 2,6%, considerado como “estado de alerta”, onde foram apontados 32 imóveis com focos cuja análise de larva foi positiva.

Mesmo em período seco, podem ser encontrados focos do mosquito com identificação positiva de larvas do mosquito que transmite a Zica, Dengue e Chikungunya . A Secretaria de Saúde ressalta a importância de toda a população ficar atenta aos cuidados básicos para se evitar as doenças e valorizar o trabalho dos agentes de endemias.
 

Publicidade
Publicidade
ter, 21/03/2017 - 15:52

Limão ajuda a emagrecer? Veja mitos e verdades sobre o consumo da fruta

Você já deve ter ouvido falar ou mesmo feito a famosa dieta do limão para perder alguns quilinhos. Apesar de bastante difundidos, os métodos que envolvem o consumo da fruta .
seg, 20/03/2017 - 21:11

Anvisa proíbe venda de paçoca por alto teor de substância cancerígena

Paçocas da marca Dicel excediam o limite permitido de aflatoxinas, substâncias tóxicas produzidas por fungos
dom, 19/03/2017 - 10:18

Amor-próprio fora de controle é sinal de doença

Políticos, atletas e famosos se destacam pelo narcisismo, mas era da superexposição deixa todos vulneráveis
sex, 17/03/2017 - 16:39

Instituto Evandro Chagas já confirmou febre amarela em macacos de 6 estados este ano

Laboratório de Referência Nacional recebeu, este ano, 76 macacos para investigação do vírus. Febre amarela foi confirmada em animais de AL, BA, ES, MG, PA e RR.