sex, 16/06/2017 - 17:09

Cassado pelo TRE-MG, prefeito eleito em Dionísio alega “perseguição política”

Ele foi condenado esta semana pelo Tribunal e afirma que vai recorrer ao TSE

“Estão cometendo uma injustiça com a cidade de Dionísio” desabafa o prefeito eleito, Dr. Farias Menezes, sobre o resultado do julgamento na noite desta terça-feira (13) no Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG). Conforme noticiado aqui no PLOX, o TRE condenou o prefeito eleito pela prática de conduta vedada em período eleitoral e abuso de poder político. Os advogados do prefeito discordam da sentença e recorrerão da decisão no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Eleito com mais 50% dos votos nas eleições de 2016, Dr. Farias alega “estar sendo perseguido por ex-políticos que não aceitaram a derrota nas urnas e em virtude disso  provocaram um processo na Justiça pautado em ações de gestões anteriores onde o atual prefeito não tinha nenhum poder de decisão”, disse.

Dr. Farias

Na Justiça, os derrotados na eleição de 2016, acusam o ex-prefeito Federico Henriques de proceder doação de lotes próximo do período eleitoral beneficiando a então candidatura de Dr. Farias. “Quem mora na cidade sabe que a desapropriação da área aconteceu em 2013, o termo de doação foi realizado em dezembro de 2015 e que este projeto seguiu os trâmites normais. A defesa alega ainda que as doações eram de caráter assistencial e tramitou por vários anos para depois ser previamente aprovado em todos os órgãos de fiscalização”, disse.

Os advogados do prefeito aguardarão a publicação do acórdão para recorrer no TSE e “demostrar que ouve um cerceamento de defesa na instrução do processo e pedir a nulidades dos atos processuais e seus efeitos”, finalizam. 

sab, 19/08/2017 - 19:46

Investigação confirma aposentadoria irregular de Dilma

Sindicância do governo constatou que petista furou a fila do INSS com ajuda de servidores e obteve benefício sem ter a documentação necessária na ocasião
sab, 19/08/2017 - 13:56

Deputada Shéridan e ex-governador de Roraima têm bens bloqueados por usarem jato do governo para viagem de funkeiro

Decisão foi divulgada nesta sexta-feira (18) pelo Tribunal de Justiça de Roraima. Jato foi usado para transportar funkeiro que se apresentou em aniversário da deputada e ex-primeira dama em 2010, diz MP.
qua, 16/08/2017 - 15:06

Governo quer baixar valor do salário mínimo para 2018

A mudança foi divulgada pelo Ministério do Planejamento e depende agora de aprovação do Congresso
qua, 16/08/2017 - 11:41

CNJ diz que não autorizou pagamento de meio milhão a juiz e pede suspensão de repasses

Segundo o corregedor João Otávio Noronha, a decisão citada pelo TJMT não é extensiva a outros casos